terça-feira, 19 novembro 2019
Início / Conteúdo / Usados: Há 21 anos fora de linha, Pampa tem mercado cativo – Primeiro Plano

Usados: Há 21 anos fora de linha, Pampa tem mercado cativo – Primeiro Plano

[ad_1]

O mercado de automóveis usados é guiado pela lógica. Vale mais o automóvel que tem baixo custo de manutenção, boa liquidez e durabilidade. Não é por acaso que o Gol segue como líder absoluto nas agências e revendas. Mas alguns modelos, que encerraram a atividade há bem mais tempo, ainda têm boa demanda na praça. É o caso da Ford Pampa, que já se aposentou há 21 anos. 

Segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), só em novembro foram negociadas quase 1.400 unidades da picape. Ela vende mais que a sucessora, a Courier, que anotou 1.300.

O sucesso da Pampa é a robustez do conjunto mecânico, principalmente pela suspensão traseira, dotada de feixe de molas. Receita que, atualmente, só a Strada manteve. E por causa disso se tornou líder do mercado de picapes leves. 

A capacidade de carga é de 620 quilos, o que não difere muito das picapes leves produzidas nos últimos 20 anos.

O carro

A Pampa é um carro sem refinamentos. Foi uma picape desenvolvida a partir do Corcel II e fabricada entre 1982 e 1997. Equipada com motores 1.6, assim como a unidade 1.8 AP fornecida pela Volkswagen, as avaliações da Pampa variam de R$ 3,5 mil a R$ 11.400, segundo a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe).

Vale lembrar que são motores que em grande parte ainda utilizam carburador no lugar de injeção eletrônica. Além disso, pela idade e pela aplicação ao longo desses anos, são carros que já rodaram muito e certamente já passaram por retíficas e até mesmo troca de motor.

No varejo, as referências da tabela não ditam as regras. O que vale mesmo é o estado de conservação da picape. Há ofertas de unidades que podem superar os R$ 30 mil, independentemente da idade de fabricação. Numa busca, encontramos uma unidade 1990, com apenas 300 quilômetros rodados, oferecida por R$ 70 mil. Nesses casos, são carros impecáveis, destinados a colecionadores e não para quem quer precisa defender o pão com pequenos fretes.

As menos preservadas são oferecidas por R$ 7 mil, mas o preço médio gira em torno dos R$ 12 mil. Como já disse, o que dita o mercado de usados é a lógica, mas também a boa fama.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.hojeemdia.com.br/primeiro-plano/usados-h%C3%A1-21-anos-fora-de-linha-pampa-tem-mercado-cativo-1.681212

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.