segunda-feira, 14 outubro 2019
Início / Conteúdo / Sabatina HD: Claudiney Dulim quer unificar as folhas de pagamento dos servidores, se eleito – Primeiro Plano

Sabatina HD: Claudiney Dulim quer unificar as folhas de pagamento dos servidores, se eleito – Primeiro Plano

[ad_1]

A polêmica que envolve o pagamento dos servidores de Minas, que têm recebido o valor em três parcelas, foi destaque na Sabatina HD desta quinta-feira (20), durante a entrevista com o candidato ao governo de Minas Gerais Claudiney Dulim. Segundo ele, é preciso unificar as folhas de pagamento do funcionalismo como forma de controle de gastos do Estado. 

O candidato é professor Universitário de Direito, tem 50 anos e é um estreante na política.

Outro ponto polêmico discutido foi quanto ao destino da Cidade Administrativa. O candidato afirma que o local deve ser utilizado da melhor forma possível, podendo incluise abrigar um polo tecnológico. “Nós avaliamos também a possibilidade de entregar à iniciativa privada. O local poderia abrigar um polo tecnológico”, destacou 

Quanto ao apoio a um candidato em segundo turno, ele respondeu que não vê problemas em apoiar alguém, desde que o propósito do candidato em questão esteja de acordo com as ideias do AVANTE.

Veja a entrevista na íntegra:

Leia mais:

Sabatina HD: Jordano Metalúrgico (PSTU) – ‘Não vamos pagar a dívida’

Sabatina HD: Anastasia prevê, se eleito, enxugar secretarias e cortar cargos comissionados 

Sabatina HD: Romeu Zema diz que, se eleito, quer reduzir secretarias de 21 para 9; confira o vídeo

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.hojeemdia.com.br/primeiro-plano/sabatina-hd-claudiney-dulim-quer-unificar-as-folhas-de-pagamento-dos-servidores-se-eleito-1.657442

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.