domingo, 20 outubro 2019
Início / Conteúdo / Pouco badalados no início do ano, laterais se destacam entre titulares de Cruzeiro e Palmeiras – Esportes

Pouco badalados no início do ano, laterais se destacam entre titulares de Cruzeiro e Palmeiras – Esportes

[ad_1]

Semifinalistas da Copa do Brasil, Cruzeiro e Palmeiras entram em campo nesta quarta-feira, às 21h45, e decidem quem avança à grande decisão do milionário torneio. Em campo, devemos ter até  dez jogadores que sabem bem o que é estar do outro lado. Entre eles, os laterais Egídio e Mayke; antes “patinhos feios”, atualmente peças fundamentais nos times celeste e alviverde.

Contratado em definitivo no início da temporada, o camisa 6 da Raposa chegou com a missão de substituir o badalado Diogo Barbosa, que trocou a Toca da Raposa pela Academia do time paulista.

Velho conhecido do torcedor cruzeirense, Egídio chegou a Belo Horizonte em baixa, ao contrário do antecessor, mas trazendo no currículo o bicampeonato brasileiro pelo clube, conquistado nas temporadas 2013 e 2014. Dois anos depois, inclusive, ele deu a mesma volta olímpica pelo Palmeiras.

Mayke, por sua vez, foi emprestado pelo Cruzeiro ao adversário desta noite com o intuito de respirar novos ares. Na negociação, a Raposa teve como moeda de troca o atacante Rafael Marques, que hoje defende o Sport.

Com a chegada de Luiz Felipe Scolari, o lateral-direito ganhou espaço na equipe e colocou no banco o ex-atleticano Marcos Rocha, contratado, também por empréstimo, para ser o dono da posição.

Egídio Cruzeiro Mayke Palmeiras

“A maioria do grupo acho que não trabalhou com ele (Felipão), só ouvia os repórteres falando que ele era meio grosso, meio isso e aquilo. Só que é totalmente diferente, brincalhão”, disse Mayke sobre o treinador, contratado no final de julho para substituir Roger Machado. 

“Lógico que quando tem de dar dura ele dá. Mas todos estão amando ele. Além de ser um cara que tem carreira brilhante ele está para nos ajudar. É um paizão para todos nós”, acrescentou.

Especialista em assistências, Egídio já deu seis passes para gol na Libertadores e outro no Brasileirão. Apesar de não ter balançado a rede, o lateral, de 32 anos, fez 21 desarmes no torneio mais importante das Américas e mais 39 na Série A do Nacional. 

Vira-casaca

Além de Mayke, Egídio e Diogo Barbosa, outros sete jogadores já sentiram o gostinho de defender o rival desta noite. No lado celeste, o zagueiro Léo, o meia Robinho e o atacante Barcos já atuaram no time paulista.

Do lado alviverde, o zagueiro Edu Dracena, o volante Felipe Melo, o meia Dudu e o atacante Willian (do Bigode) trazem nos respectivos currículos a passagem pela Toca da Raposa.

Como venceu o jogo de ida, em São Paulo, por 1 a 0, o Cruzeiro joga por vitória ou por um empate. Qualquer triunfo do Palmeiras por um gol de diferença leva a decisão para as cobranças de pênal-tis. Se vencer por vantagem maior, a equipe paulista avança à final da Copa do Brasil.

FICHA DO JOGO

Cruzeiro: Fábio; Lucas Romero, Léo, Dedé e Egídio; Henrique e Lucas Silva; Robinho, Thiago Neves e Rafinha; Barcos. Técnico: Mano Menezes

Palmeiras: Weverton; Mayke, Antônio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Felipe Melo, Bruno Henrique e Moisés; Willian, Dudu e Borja. Técnico: Luiz Felipe Scolari

Horário e local: 21h45, no Mineirão

Arbitragem: Wagner do Nascimento Magalhães (RJ), auxiliado por Rodrigo Henrique Correa (RJ) e Kleber Lúcio Gil (SC)

Transmissão: Globo, SporTV 2 e Fox Sports 2

 

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.hojeemdia.com.br/esportes/pouco-badalados-no-in%C3%ADcio-do-ano-laterais-se-destacam-entre-titulares-de-cruzeiro-e-palmeiras-1.658737

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.