quarta-feira, 16 outubro 2019
Início / Conteúdo / Polícia vai apurar se cardiologista preso com 6 armas manteve família em cárcere privado – Horizontes

Polícia vai apurar se cardiologista preso com 6 armas manteve família em cárcere privado – Horizontes

[ad_1]

A polícia vai investigar se um médico cardiologista de 30 anos manteve a mãe, a esposa e a filha, de apenas 9 meses, em cárcere privado. Na residência onde a família estava, os policiais militares apreenderam seis armas. O caso aconteceu na madrugada desta sexta-feira (28) na rua Paracatu, no Barro Preto, região Centro-Sul de Belo Horizonte.

A Polícia Militar informou que foi acionada por moradores da região que estavam ouvindo gritos de socorro e barulhos semelhantes a tiros vindos da residência da família. No local, os militares constaram que o suspeito estava armado e, por isso, entraram no imóvel. Após negociação com os policiais, o suspeito se rendeu. Ninguém se feriu na ocorrência.

Vício

A mãe do médico contou à PM que o filho é dependente químico e que, no fim da noite de quinta-feira (27), os familiares optaram por interná-lo em uma clínica de reabilitação. Quando os funcionários da unidade de saúde chegaram ao local para levá-lo, o médico teria se descontrolado e até agredido um dos funcionários.

O cardiologista alegou que pensou que tratava-se de um assalto, pois não sabia da decisão dos parentes de interná-lo na clínica. Por isso, ele disse que ficou exaltado, foi até um dos cômodos da casa e pegou uma arma para se defender. 

A PM não soube informar se além dos familiares, os funcionários da unidade de saúde também ficaram trancados no imóvel. Os familiares relataram que chegaram a ser ameaçados durante o “ataque” do médico. 

Posse ilegal

Após rastreamento na residência, os militares encontraram seis armas, sendo uma pistola calibre .380, uma garrucha .32, um revólver .38 e outro .32, além de uma espingarda escopeta .12 e uma polveira.

O armamento pertenceria ao pai do cardiologista, que serviu as forças armadas. Contudo, como não havia registro ou documentação que comprovasse a posse, todas as armas foram apreendidas.

O cardiologista foi conduzido para a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Centro-Sul para atendimento médico. Depois de ser consultado, ele foi conduzido para a Central de Flagrantes (Ceflan) 2, onde a ocorrência foi registrada.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.hojeemdia.com.br/horizontes/pol%C3%ADcia-vai-apurar-se-cardiologista-preso-com-6-armas-manteve-fam%C3%ADlia-em-c%C3%A1rcere-privado-1.659412

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.