domingo, 17 novembro 2019
Início / Conteúdo / Novo vídeo mostra momentos antes da pancadaria na cerimônia de diplomação em Minas; assista – Primeiro Plano

Novo vídeo mostra momentos antes da pancadaria na cerimônia de diplomação em Minas; assista – Primeiro Plano

[ad_1]

Um vídeo amador (assista abaixo), gravado durante a sessão de diplomação dos parlamentares de Minas e do governador eleito Romeu Zema (Novo), realizada nessa quarta-feira (19), no Palácio das Artes, no Centro da capital, mostra uma cerimonialista do Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG) arrancando um cartaz da mão de uma mulher, momentos antes da briga entre os deputados federais. A gravação foi compartilhada via WhatsApp e a autoria é desconhecida. 

No vídeo, a mestre de cerimônias aparece, em pé e de costas, conversando com a deputada estadual eleita Beatriz Cerqueira (PT), que está sentada. O tom da conversa parece ameno a se julgar pela expressão facial da parlamentar, portadora do cartaz vermelho com a frase ‘Lula livre’. No entanto, repentinamente a cerimonialista arranca a placa da mão da parlamentar, dá as costas e volta ao púlpito do evento. 

Nesse momento, Cerqueira se levanta e vai até o presidente da sessão de diplomação e é apoiada pelo deputado federal Rogério Corrêa (PT), que segura um novo cartaz. O também deputado federal Cabo Junio Amaral (PSL) discute com Rogério, arranca o cartaz de sua mão e inicia-se a troca de socos. 

O que aconteceu? 

Procurada, a assessoria de imprensa do TRE-MG informou que se posicionará sobre a postura do seu cerimonial ainda nesta quinta-feira (20). 

Já Beatriz Cerqueira utilizou o Facebook para relatar o acontecimento do seu ponto de vista. 

De acordo com ela, lhe foi solicitado que retirasse a placa por duas vezes pela mesma mulher. Diante do pedido, Beatriz negou também por dois momentos. A cerimonialista, então, teria lhe dito que seu comportamento estava tumultuando a cerimônia. 

“Discordei. Eu estava apenas com a placa. Não tinha feito, até aquele momento, nenhum gesto com ela além de carregá-la comigo. Era a hostilidade de parte do público que estava atrapalhando, incapaz de conviver com pensamentos divergente do seu. Após ouvir a opinião do deputado estadual que estava ao meu lado e que era favorável que a placa fosse retirada, ela arrancou a placa da minha mão e saiu. Seu comportamento foi aplaudido por parte do público”, escreveu na rede social. 

Ainda segundo Cerqueira, que afirmou ter buscado no TRE um manual de recomendações para a cerimônia da diplomação, não havia pedido para que se escondesse a identidade partidária, ideológica e de pensamento de algum diplomado. 

“A exceção de estado fica nítida quando uma mestre de cerimônia toma partido, concorda com a opinião de convidados que gritavam na plateia e de outro deputado que estava sendo diplomado e se sente no direito de arrancar das mãos de uma deputada eleita que estava sendo diplomada a sua identidade partidária”, opinou. 

Leia aqui sua manifestação completa. 

Leia mais:​

Deputados trocam socos em sessão de diplomação dos eleitos em Minas por cartaz ‘Lula Livre’

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.hojeemdia.com.br/primeiro-plano/novo-v%C3%ADdeo-mostra-momentos-antes-da-pancadaria-na-cerim%C3%B4nia-de-diploma%C3%A7%C3%A3o-em-minas-assista-1.680840

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.