quinta-feira, 17 outubro 2019
Início / Conteúdo / Mano acredita em título, mas fala que não basta só motivação para Cruzeiro superar o Atlético

Mano acredita em título, mas fala que não basta só motivação para Cruzeiro superar o Atlético

[ad_1]

Melhor time da primeira fase do Campeonato Mineiro e franco favorito ao título antes dos jogos da final, o Cruzeiro vive antes da última partida do Estadual o dilema de ter perdido a vantagem que conquistou por ter sido o líder no início da disputa. Agora, se a Raposa quiser levantar o troféu neste domingo, no Mineirão, terá que vencer o Atlético por dois gols de diferença, já que perdeu o jogo de ida por 3 a 1, no Independência, no fim de semana passado.

Para o técnico Mano Menezes, que acerta os pontos do time celeste para o jogo contra o arquirrival, às 16h, no Gigante da Pampulha, levantar o troféu de campeão é possível, mas depende além da motivação.

“A experiência de futebol que tenho e vivi muitas vezes, é fácil você falar só de postura. Muito comum quando o time não consegue imprimir velocidade, não consegue construir jogada, o torcedor gritar a velha máxima ‘queremos raça’. Se o futebol fosse tão simples assim, contratávamos um motivador, motivaria o time, que entraria dando cabeçada em todas as bolas e venceríamos o jogo. Não é assim, tem jogo de futebol no meio disso, tem estratégia, qualidade do adversário e nossa qualidade também”, comenta, falando sobre o comportamento necessário para a conquista.

“Os títulos são para os grandes. Você pode jogar o campeonato inteiro, mas só vai ser campeão se na hora da decisão saber ser grande para ser campeão. Já fizemos um bom campeonato, temos jogos jogados muito bem, temos números de gols bem executados, mas teremos que fazer isso nos últimos 90 minutos. O futebol exige coisas que você não pode abrir mão, uma delas é ambição, confiança individual”, completou.

A derrota no primeiro jogo não estava nos planos do treinador, que avaliou o acontecido de forma ponderada e analítica. O treinador usou, inclusive, o exemplo de um jogo da Liga dos Campeões que terminou de uma forma diferente da expectativa inicial.

“Não era o que queríamos (derrota para o Atlético), certamente, não vamos ser demagógicos, mas são as coisas que acontecem com todos no futebol. Acontece com grandes, com pequenos. Essa semana vi o (Manchester) City tomar três do Liverpool (na Liga dos Campeões). Certamente quando foi iniciado o jogo não tinha essa expectativa”, explanou.

Apesar de ter que tirar uma diferença de dois gols, Mano Menezes sabe que em 90 minutos tudo pode acontecer.

“Por que não fizemos bem os primeiros 90 minutos, ou por que não fizemos bem uma parte desses 90 minutos, deixamos escapar uma vantagem que construímos no campeonato inteiro. Agora teremos 90 minutos para recuperá-la (vantagem). Temos condição de fazer isso, sabemos contra quem vamos jogar, a qualidade do adversário, a grandeza dele, sabemos tudo isso. Mas sabemos também que o que aconteceu lá (Independência), também pode acontecer aqui (no Mineirão)”, disse, mandando um recado para o torcedor cruzeirense.

“O torcedor sabe que ele pode confiar na equipe do Cruzeiro. Demonstramos isso em várias oportunidades, principalmente no ano passado, estou me referindo a esse grupo. E vamos demonstrar novamente no domingo que ele pode confiar na gente”, garantiu.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
http://hojeemdia.com.br/esportes/mano-acredita-em-t%C3%ADtulo-mas-fala-que-n%C3%A3o-basta-s%C3%B3-motiva%C3%A7%C3%A3o-para-cruzeiro-superar-o-atl%C3%A9tico-1.611623

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.