sábado, 19 outubro 2019
Início / Conteúdo / Líder em ataques de escorpião – Montes claros

Líder em ataques de escorpião – Montes claros

[ad_1]

A diminuição dos predadores naturais dos escorpiões, como macacos, lagartos e aves, combinada com o crescimento da oferta de alimentos, principalmente baratas, tem resultado numa explosão do número de picadas pelo aracnídeo em Minas. No ano passado foram 36.281 casos, alta de 26,06% em relação a 2017. Neste ano, somente até o último dia 5, já foram contabilizadas 2.159 vítimas, uma média de 60 ocorrências diárias.

Os números foram divulgados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), que aponta Montes Claros como a cidade mineira com mais registros de vítimas. O município, um dos mais quentes do Estado, com máximas que podem chegar a 39ºC, confirmou 136 pessoas picadas nos primeiros 36 dias do ano. Em 2018, foram 2.728 ocorrências.

“Montes Claros tem condições ambientais favoráveis para a reprodução do escorpião. Além disso, com o desmatamento, os escorpiões têm entrado demais na cidade e se aproximado do homem”, observou Andréia Kelly Roberto Santos, referência técnica estadual do programa de vigilância e controle dos acidentes por animais peçonhentos de Minas.

Em janeiro, O NORTE mostrou o crescimento dos acidentes com escorpiões na cidade, mas apresentando apenas dados do Hospital Universitário, um pouco menores do que os apresentados pela SES, que leva em conta ocorrências atendidas também em outras unidades de saúde.

De acordo com o Ministério da Saúde, Minas é o Estado que mais tem registros de acidentes com escorpiões no Brasil. Houve mais vítimas aqui do que nos sete estados das regiões Sul e Centro-Oeste juntos.

 

PREVENÇÃO

Minas já confirmou cinco mortes em Alfenas, Buritis, Itaúna, Minas Nova e Passabém. Em e 2017 e 2018, os óbitos tiveram salto de 55,17% – de 19 para 45 –, mas a SES explica que os dados estão sendo revisados porque podem estar superdimensionados.

“Animais predadores dos peçonhentos têm sumido da natureza. Isso interfere em como o escorpião anda e se reproduz”, reforça o chefe do Serviço de Animais Peçonhentos da Fundação Ezequiel Dias (Funed), Rômulo Toledo.

Sem inseticidas capazes de matar o animal, a melhor forma de evitar acidente é a prevenção. A limpeza do ambiente, de acordo com o Ministério da Saúde, é fundamental para impedir a picada venenosa que pode levar à morte.


Limpeza entre as prevenções

Para evitar que os números continuem subindo em todo o Estado, a Secretaria de Saúde tem alertado a população do que se deve ou não fazer, além de capacitar os médicos e enfermeiros para melhor atender em caso de registros de picadas.

Manter a casa limpa e sacudir tapetes, lençóis e cobertores são algumas das ações preventivas para evitar picadas de escorpião, segundo recomendação de Talline Aredes Hang Costa, professora do curso de Enfermagem das Faculdades Promove.

De acordo com ela, quando chove muito e os abrigos desses animais ficam alagados, a tendência é a de que eles procurem segurança dentro das casas, principalmente em locais secos e escuros, como embaixo de colchões, roupas deixadas no chão e dentro de sapatos.

“Por isso é importante que a pessoa preste bastante atenção na hora de abrir a porta, observando os tapetes e panos deixados na entrada”.

O coordenador do Centro de Controle de Zoonoses de Montes Claros, Flamarion Cardoso, afirma que o trabalho é educativo. “Temos uma preocupação com o aumento desses casos. Orientamos a população a ter cuidados, como afastar os móveis das paredes, fechar ralos, frestas e manter o ambiente limpo. São pequenas medidas que evitam o aparecimento dos escorpiões”.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://onorte.net/montes-claros/l%C3%ADder-em-ataques-de-escorpi%C3%A3o-1.694078

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.