quinta-feira, 17 outubro 2019
Início / Conteúdo / Governadores pedem à Justiça autorização para visitar Lula em Curitiba

Governadores pedem à Justiça autorização para visitar Lula em Curitiba

[ad_1]

Um grupo de 11 governadores, incluindo todos do Nordeste, pediu autorização à 13ª Vara Federal de Curitiba para visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde ele cumpre pena desde a noite do último sábado (7). O documento é assinado pelo senador Roberto Requião (MDB-PR) e pede que a visita seja feita hoje (10), a partir das 14h.

Entre os governadores que pretendem ir a Curitiba estão Renan Filho (Alagoas), Rui Costa (Bahia), Camilo Santana (Ceará), Flávio Dino (Maranhão), Paulo Câmara (Pernambuco), Ricardo Coutinho (Paraíba), Wellington Dias (Piauí), Robinson Faria (Rio Grande do Norte), Belivaldo Chagas (Sergipe), além de Fernando Pimentel (Minas Gerais) e Tião Viana (Acre).

O pedido inclui também o senador Lindbergh Farias (PT-PB), a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR); o vice-presidente nacional da legenda, Márcio Costa Macedo e o ex-deputado do PT do Paraná Angelo Vanhoni.

O documento foi enviado ontem (9) à 13ª Vara, mas ainda será analisado pela juíza federal substituta Carolina Lebbos, titular na 12ª Vara Federal, especializada em execução penal.

Leia mais:

No exterior, Dilma pede apoio a Lula e se depara com pragmatismo de governos

‘Estão todos na fila para ir para a cadeia’: Newtão revela bastidores da política

PT vai reafirmar candidatura de Lula e acredita em aliança no 1º turno


 

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
http://hojeemdia.com.br/primeiro-plano/governadores-pedem-%C3%A0-justi%C3%A7a-autoriza%C3%A7%C3%A3o-para-visitar-lula-em-curitiba-1.612465

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.