segunda-feira, 14 outubro 2019
Início / Conteúdo / Galdezani em 2018: dívida do Coritiba, lesãona coxa, seis jogos e elegível para a Copa do Brasil

Galdezani em 2018: dívida do Coritiba, lesãona coxa, seis jogos e elegível para a Copa do Brasil

[ad_1]

O Atlético se prepara para realizar exames médicos e assinar contrato de oito meses com o volante Matheus Galdezani, que chegará por empréstimo do Coritiba até dezembro. O jogador de 26 anos desembarca em Belo Horizonte para brigar por vaga e tentar contornar o ano que começou com lesão.

Galdezani terminou 2017 em baixa, perdendo espaço na equipe titular. O Coxa caiu para a Série B, e o mal momento foi para a parte coletiva do time.  E a nova temporada começou com atleta se lesionando na coxa. Só foi estrear em 2018 em 28 de fevereiro, pelo Estadual, quando a equipe do Couto Pereira já havia entrado em campo 10 vezes.

Desde que voltou, o Coritiba fez mais nove partidas, com ele participando de seis delas. Todas como titular, e substituído em outras três. Ao todo, foram 495 minutos em ação. Galdezani chega ao Galo com os direitos econômicos fixados.

Coritiba comprou Galdezani no ano passado, adiquirindo 50% do “passe” do atleta junto ao Mirassol. O acordo foi de pagamento de R$ 3 milhões, mas ainda pendente entre as partes. Houve troca de comando no clube, com eleições presidênciais. Este é o preço, inclusive, que o Galo teria de desembolsar caso queira ficar com Galdezani em definitivo.

“Espero que ele venha para somar com a gente. Acredito no potencial dele. É um jogador que defende e ataca no meio-campo e vai nos ajudar a buscar as vitórias”, comentou Thiago Larghi, técnico interino do Galo.

COPA DO BRASIL

Galdezani foi relacionado para um jogo do Coritiba em 2018 justamente na Copa do Brasil, contra o Goiás, na terceira fase do torneio. O Coxa foi eliminado pelo time do centro-oeste brasileiro, e o volante ficou apenas no banco de reservas nos dois confrontos.

Assim, sem ter sido acionado pelo técnico Sandro Forner, Galdezani não participou da competição neste ano, e pode ser utilizado na mesma pelo Atlético. Ele só seria considerado inelegível pelo Galo na competição nacional caso entrasse em campo pelo Coxa, ou tivesse sido amarelado enquanto reserva.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
http://hojeemdia.com.br/esportes/galdezani-em-2018-d%C3%ADvida-do-coritiba-les%C3%A3ona-coxa-seis-jogos-e-eleg%C3%ADvel-para-a-copa-do-brasil-1.613049

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.