domingo, 20 outubro 2019
Início / Conteúdo / Diplomata acusado de espancar a mulher é demitido do cargo

Diplomata acusado de espancar a mulher é demitido do cargo

[ad_1]

Acusado de espancar a mulher, o diplomata Renato de Ávila Viana, 41, foi demitido do cargo de primeiro-secretário do Ministério das Relações Exteriores. A decisão foi publicada nesta quinta-feira (30), no Diário Oficial da União (DOU). Viana mora no Distrito Federal, em Goiás.

O diplomata foi preso na quarta-feira (19) pela Polícia Militar depois de espancar a mulher no prédio onde mora, em Brasília, mas foi liberado ao pagar fiança no valor de R$ 1 mil.

Esta não é a primeira vez que Viana é acusado de agressão à mulher. Em dezembro passado, ele teria arrancado o dente de uma ex-namorada quando ela se recusou a voltar a namorar com ele. 

Em nota divulgada no Facebook, a Associação dos Diplomatas Brasileiros (ADB-Sindical) diz repudiar “quaisquer atos de violência e discriminação contra as mulheres”.

Veja a nota:

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.otempo.com.br/capa/brasil/diplomata-acusado-de-espancar-a-mulher-%C3%A9-demitido-do-cargo-1.2033822

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.