segunda-feira, 14 outubro 2019
Início / Conteúdo / Decisões médicas

Decisões médicas

[ad_1]

Quando Arrascaeta e Thiago Neves pisaram no gramado da Toca da Raposa II ontem, ficou no ar a expectativa sobre a participação deles nas atividades com bola. Os dois, porém, fizeram apenas um trabalho de fisioterapia, separados dos demais companheiros.

Assim, segue a dúvida sobre a presença dos armadores no jogo da volta contra o Palmeiras pelas semifinais da Copa do Brasil, amanhã, às 21h45, no Mineirão.

Mais do que isso, a preocupação da torcida celeste se estende de antemão para o desafio ainda maior diante do Boca Juniors, na próxima semana, no segundo confronto pelas quartas de final da Copa Libertadores – na ocasião, a Raposa precisará de ao menos dois gols para provocar a disputa de pênaltis.

Com 12 e 11 gols, respectivamente, Thiago Neves e Arrascaeta são os maiores artilheiros do time de Mano Menezes nesta temporada. Além disso, o brasileiro já contribuiu diretamente com duas assistências, enquanto o uruguaio deu oito passes decisivos.

A situação do camisa 30 preocupa menos. Com dor na coxa direita, ele foi substituído na etapa final de uma atuação ruim na derrota por 2 a 0 para os hermanos. Na sequência, acabou poupado na vitória por 2 a 1 sobre o Santos, assim como os demais titulares.

Arrascaeta, por sua vez, sofreu um problema muscular na coxa esquerda durante a vitória por 1 a 0 sobre o Verdão paulista e sequer foi relacionado para a viagem à Argentina – nas duas oportunidades, Rafinha foi o substituto. Antes, ele já havia desfalcado o Cruzeiro diante de Botafogo e Sport, pelo Brasileirão, devido a outra lesão na coxa esquerda – ele já não estaria disponível graças a uma convocação para a seleção do Uruguai.
 
RESERVAS
Além dos destaques na armação, o Departamento Médico azul também corre contra o tempo para recuperar o centroavante Raniel e o zagueiro Murilo.

O primeiro teve uma entorse no tornozelo direito depois de marcar um dos gols no triunfo dos reservas por 2 a 1 sobre o Santos, domingo, mas não deve ser problema para compor o banco amanhã.

Já o segundo sofreu uma luxação no ombro esquerdo e segue em observação. A recuperação dele seria importante, principalmente pensando no duelo com o Boca Juniors, já que o titular Dedé cumprirá suspensão automática.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
http://onorte.net/esporte/decis%C3%B5es-m%C3%A9dicas-1.658487

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.