terça-feira, 22 outubro 2019
Início / Conteúdo / De olhos abertos, comissão técnica do Cruzeiro já analisa o Boca Jrs: ‘referência na América Latina – Esportes

De olhos abertos, comissão técnica do Cruzeiro já analisa o Boca Jrs: ‘referência na América Latina – Esportes

[ad_1]

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) anunciou na tarde desta sexta-feira as datas e horários dos jogos das quartas de final da Copa Libertadores e o técnico Mano Menezes, que já conhecia o adversário do Cruzeiro desde a noite da última quinta, falou sobre o encontro da Raposa com o Boca Juniors-ARG nesta etapa da competição.

“A gente tem acompanhado o Boca não só porque ele poderia ser nosso adversário, mas porque o Boca é uma referência de time dentro da América Latina. É um time forte. Quando chega nessa hora, se torna mais forte ainda, como River e os grandes brasileiros também que chegam em quase todas as competições. A tendência, nessa hora, é estar mais forte. Não se subestime ninguém. Penso que teremos um grande adversário pela frente, tradicional, que vai criar todas as dificuldades para a gente passar para a semifinal da Libertadores, que é o nosso objetivo”, analisou o treinador.

A primeira partida entre Boca Juniors e Cruzeiro acontecerá em Buenos Aires, em um dos estádios mais emblemáticos do mundo, La Bombonera, no dia 19 de setembro, às 21h45. A partida de volta está marcada para o dia 4 de outubro, também às 21h45, mas desta vez no Mineirão.

Ligado na TV para assistir o confronto entre Libertad-PAR e Boca, na última quinta-feira, Mano fez uma avaliação dos pontos fortes do time argentino, que venceu a equipe do Paraguai por 4 a 2, no estádio Defensores del Chaco, em Assunção, e confirmou vaga nas quartas de final. Os Xeneizes já haviam vencido a partida de ida por 2 a 0.

“É uma equipe que joga com formação parecida com a nossa, vem revezando dois atacantes mais centralizados, como fez (na partida contra o Libertad, em Assunção) com Benedetto e Zárate. Também pode fazer com Benedetto e Tévez. Com um homem um pouco mais de flanco, meio-campo que compete, que marca, que joga, como o nosso. Laterais que não apoiam tanto, que dão solidez ao sistema defensivo. Serão dois grandes jogos”, avaliou.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.hojeemdia.com.br/esportes/de-olhos-abertos-comiss%C3%A3o-t%C3%A9cnica-do-cruzeiro-j%C3%A1-analisa-o-boca-jrs-refer%C3%AAncia-na-am%C3%A9rica-latina-1.652260

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.