segunda-feira, 14 outubro 2019
Início / Conteúdo / CRM-MG vai apurar denúncias contra médico que chamou residentes de ‘fedidas e nojentas’ – Horizontes

CRM-MG vai apurar denúncias contra médico que chamou residentes de ‘fedidas e nojentas’ – Horizontes

[ad_1]

O Conselho Regional de Medicina do Estado de Minas Gerais (CRM-MG) informou que as postagens feitas pelo ginecologista Igor Aquino Moreira, em uma rede social, serão apuradas pela instituição. As delações recebidas sobre o caso serão verificadas de acordo com os trâmites estabelecidos no Código de Processo Ético Profissional (CPEP), mas o conselho explica que essas denúncias devem ser formuladas por escrito e não podem ser anônimas. As apurações são feitas sob sigilo.

O conselho informa que as denúncias devem conter o relato detalhado dos fatos e identificação completa dos envolvidos, além de serem assinadas e documentadas de forma legível. As delações podem ser entregues na sede do CRM-MG em Belo Horizonte (rua dos Timbiras, 1200) ou nas regionais, no interior do Estado, enviadas por correio ou para o e-mail processos@crmmg.org.br. 

Moreira causou polêmica na internet após fazer postagens supostamente ofensivas a mulheres. Em uma das publicações feitas no Facebook, o médico afirma que “as mulheres brasileiras de bem, aquelas que não foram vítimas de violência sexual, aquelas que não foram agredidas ou abandonadas pelo pai, aquelas que não foram agredidas pelo marido, aquelas que não têm filho bandido nem filha aborteira, irão votar no Bolsonaro”.

Em outro texto, o médico fala sobre “residentes fedidas e nojentas que ficam vomitando besteira sobre o feminismo”. Diz ainda que “pais feios produzem feministas ou viradinhos enrustidos”. Após a polêmica, ele apagou a conta do Facebook e pediu desculpas por meio de uma carta. Veja as postagens:

Reprodução / N/A

igor aquino

Reprodução / N/A

igor aquino

 

Moreira é plantonista no Hospital Metropolitano Odilon Behrens e a direção da unidade de saúde afirmou que está atenta ao caso e tomará todas as medidas legais cabíveis após apuração do mesmo. A direção disse ainda que repudia qualquer ato de desrespeito, preconceito e incitação à violência. Ele também atua como tenente da Polícia Militar e a corporação informou que não coaduna com comportamentos discriminatórios, ofensivos e desrespeitosos e que a unidade responsável pelo militar apura o caso.

Pedido de desculpas

Por meio de uma carta, Moreira pede desculpas pelos comentários desrespeitosos sobre as mulheres. Afirmou ter reagido a comentários desrespeitosos feitos por internautas desde que passou a declarar seu posicionamento político à direita e o voto a Bolsonaro. O médico escreveu ainda que as opiniões se restringem à vida particular e as preferências políticas nunca interferiram em sua atuação profissional. Lembra que nunca recebeu reclamação formal de uma paciente.

Enviada pelo WhatsApp / N/A

igor aquino

Confira a nota do CRM-MG na íntegra:

“O Conselho Regional de Medicina do Estado de Minas Gerais (CRM-MG) informa que tomou conhecimento, pela imprensa, de denúncia de ofensa cometida por médico contra médicas residentes, e que iniciará os procedimentos regulamentares necessários à apuração dos fatos.

Todas as denúncias recebidas são apuradas de acordo com os trâmites estabelecidos no Código de Processo Ético Profissional (CPEP). Os procedimentos correm sob sigilo. Obedecendo ao CPEP, somente as penalidades públicas impostas aos médicos denunciados poderão ser divulgadas.

As denúncias ao CRM-MG devem ser formuladas por escrito e, se possível, conter o relato detalhado dos fatos e identificação completa dos envolvidos. Precisam ser assinadas e documentadas. Não são aceitas denúncias anônimas ou apócrifas. Podem ser entregues na sede do CRM-MG em BH ou nas regionais, no interior do estado; enviadas por correio ou para o e-mail processos@crmmg.org.br. Todos os documentos e imagens devem ser legíveis.

As penas disciplinares são previstas no artigo 22 da Lei nº 3.268/1957″.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.hojeemdia.com.br/horizontes/crm-mg-vai-apurar-den%C3%BAncias-contra-m%C3%A9dico-que-chamou-residentes-de-fedidas-e-nojentas-1.657348

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.