quinta-feira, 17 outubro 2019
Início / Conteúdo / Comissão no Senado aprova requerimento para realizar diligência na PF de Curitiba

Comissão no Senado aprova requerimento para realizar diligência na PF de Curitiba

[ad_1]

A Comissão dos Direitos Humanos (CDH) do Senado aprovou nesta quarta-feira, 11, requerimento que pede a diligência de parlamentares para verificar as condições de encarceramento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde o último sábado, 6, na superintendência da Polícia Federal em Curitiba. O documento é de autoria da senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM).

“Requeiro, nos termos do inciso XIII, do artigo 90, do Regimento Interno do Senado Federal, a realização de Diligência à Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, com a presença de membros desta digna Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa, a fim de verificar as condições de encarceramento do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e dos demais presos naquela sede”, diz o requerimento.

O texto foi aprovado em votação simbólica num momento de descuido dos opositores ao ex-presidente Lula. Bastaria um voto contrário para que fosse realizada a verificação da votação, o que poderia inviabilizá-la. São membros da comissão, por exemplo, os senadores José Medeiros (Pode-MT) e Magno Malta (PR-ES).

Ontem, partidos da oposição na Câmara pediram a criação de uma comissão externa para acompanhar a situação de Lula. Caso seja aprovado pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o grupo será formado por 12 parlamentares, a serem indicados por lideranças partidárias, e não terá custos para a Casa. A ideia é que cada parlamentar arque com as próprias despesas para visitar Lula.

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
http://hojeemdia.com.br/primeiro-plano/pol%C3%ADtica/comiss%C3%A3o-no-senado-aprova-requerimento-para-realizar-dilig%C3%AAncia-na-pf-de-curitiba-1.612781

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.