domingo, 20 outubro 2019
Início / Conteúdo / Com Lula preso, Maroni libera cerveja aos clientes de boate em SP

Com Lula preso, Maroni libera cerveja aos clientes de boate em SP

[ad_1]

O empresário Oscar Maroni, dono do Bahamas, em São Paulo, prometeu em 2016 cerveja gratuita se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fosse parar atrás das grades. Com a prisão determinada pelo juiz Sérgio Moro nesta quinta-feira (5), Maroni foi cobrado da promessa feita há dois anos.

Pelo Facebook, ao menos 7,5 mil pessoas prometem dar uma passadinha pelo Bahamas nesta sexta-feira (6) para tomar cerveja. E, segundo a Veja SP, Maroni vai cumprir a promessa.

“Já tenho 5 000 unidades da bebida aqui na casa, mas estamos atrás de mais litros”, conta. A entrada na boate, no entanto, custa até R$ 510. 

De acordo com a publicação, Maroni disse que não importa o horário. O cliente pode ir ao Bahamas durante a madrugada ou pela manhã, assim que a notícia da prisão do Lula for anunciada pela imprensa. “Pode vir e beber até meia-noite”, disse.
 

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
http://www.otempo.com.br/capa/brasil/com-lula-preso-maroni-libera-cerveja-aos-clientes-de-boate-em-sp-1.1593045

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.