segunda-feira, 18 novembro 2019
Início / Conteúdo / Câmara elege Marcos Nem para a presidência – Política

Câmara elege Marcos Nem para a presidência – Política

[ad_1]

O vereador José Marcos Martins de Freitas (Marcos Nem), do PSD, foi eleito para a presidência da Câmara, biênio 2019-2020, com votos de 13 vereadores. O oponente, Idelfonso Araújo (MDB), recebeu nove votos, dos 22 colegas presentes. O parlamentar Wilton Dias (PHS) foi a única ausência, pois estava viajando.

A reunião marcou também o encerramento dos trabalhos do Legislativo municipal, com a Câmara entrando em recesso parlamentar até fevereiro. Neste período, são indicados três vereadores para permanecer em plantão na Casa para atender situações emergenciais.

A votação começou tensa, com a Câmara lotada de professores que se posicionaram no plenário antes mesmo da chegada dos vereadores. Os manifestantes seguravam cartazes com dizeres que cobravam a intervenção dos parlamentares junto ao Executivo para o pagamento dos salários.

Logo depois da votação, anunciada a chapa vencedora, as manifestações ganharam corpo e os vereadores prometeram buscar uma solução com o prefeito Humberto Souto.

 

NOVO LÍDER

Marcos Nem, que está no sexto mandato, vai ocupar pela segunda vez a presidência da Casa legislativa. Em conversa com O NORTE, após ser anunciado vencedor, reiterou a urgência de dar andamento às obras de construção da sede da Câmara.

“Vamos reunir os vereadores e ver o que é prioridade. Uma delas é dar continuidade à obra para que todos fiquem aqui. Existe uma dificuldade até para as pessoas que vêm nos procurar e não sabem em qual prédio ir”.

Questionado sobre a relação com o adversário na eleição, o presidente destacou que vai trabalhar com todos. “A eleição passou. Agora serão 23 vereadores trabalhando por uma Montes Claros melhor. A Câmara não é de um nem de outro. Vamos trabalhar em conjunto. Fizemos um bom trabalho na gestão passada”, enfatizou.

O vereador Idelfonso, que está no segundo mandato e concorreu pela primeira vez à presidência da Casa, declarou que os vereadores não quiseram a transparência que ele estava pregando.

“Quem perdeu não foi a chapa de Idelfonso. Sou vereador e vou continuar cumprindo minhas obrigações na Casa. Minha relação com o presidente eleito permanece a mesma. Vamos caminhar juntos por Montes Claros”, disse Idelfonso.

A chapa vencedora tem o vereador Sóter Magno (PP) como vice-presidente, Maria Helena Quadros (PPL) como primeira secretária e Daniel Dias (PCdoB) como segundo secretário.

 

BALANÇO

Já o atual presidente Cláudio Prates (PTB), que fica até 31 de dezembro no cargo, fez um balanço do período em que ficou à frente da Câmara.

“Saio com um sentimento de dever cumprido. Defino duas ações que nasceram e que precisam agora se potencializar. É o caso da Ouvidoria Municipal, que tem funcionado bem, mas acho que precisa chegar ao conhecimento da população, e a implantação da TV Câmara, que tem um potencial imenso. Ela faz com que toda a população de Montes Claros acompanhe os trabalhos legislativos”, finalizou.

 

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://onorte.net/pol%C3%ADtica/c%C3%A2mara-elege-marcos-nem-para-a-presid%C3%AAncia-1.680941

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.