quinta-feira, 21 novembro 2019
Início / Conteúdo / Ativos indefinidos: com Marcos Rocha e Dodô, Atlético terá a ‘volta’ de 17 atletas emprestados – Esportes

Ativos indefinidos: com Marcos Rocha e Dodô, Atlético terá a ‘volta’ de 17 atletas emprestados – Esportes

[ad_1]

A folha salarial do Atlético aumentará a partir de janeiro. Isso porque 17 jogadores emprestados voltam a ser pagos pelo clube. Neste período de janela de transferências, alguns estão valorizados, têm propostas, sondagens e podem render grana para os cofres alvinegros.

O principal deles é o lateral-direito Marcos Rocha, campeão brasileiro pelo Palmeiras. Ele é cotado para ser vendido pelo Atlético e o Verdão segue como principal comprador. O Palmeiras oferece 1,5 milhão de euros mais o empréstimo do atacante Papagaio.

No segundo posto de jogador mais valorizado está o meia-atacante Dodô, campeão da Série B como protagonista do Fortaleza. O agente dele, Hélcio Alisk, adiantou que a tendência é o jogador ser vendido ou emprestado com compensação financeira. No Leão, o lateral Leonan não teve o mesmo destaque e deverá ser repassado a outro clube, sendo que Guarani-SP e Botafogo-SP estão na disputa, com vantagem para o segundo time. Foi na Segundona que a maioria dos emprestados pelo Galo teve mais chances. Entre os clubes que subiram, o Atlético conseguiu a valorização de Alex Silva, titular do Goiás. 

Quem ficou no quase foi a Ponte Preta, que contou com Danilo Barcelos, titular absoluto, Nathan e Hyuri. O primeiro vira ativo pra ser envolvido em outras negociações. Vasco e o Botafogo têm interesse no lateral/volante. Mais abaixo na tabela da Série B, o zagueiro Matheus Mancini esteve no Londrina e segundo seu agente, Fábio Melo, será reintegrado ao elenco que ganhará o reforço de Réver. 

Outros que também deverãp ser emprestado para outros times são o zagueiro Rodrigão, rebaixado para a Série C com o Boa Esporte, e os laterais Carlos César (se lesionou no Coritiba e voltou mais cedo ao Galo, tem vínculo até julho de 2019) e Mansur (ex-Paraná, contrato até 2020). Por falar no Paraná, de lá voltam Jesiel e Carlos. Ambos revelados no Atlético e o segundo com negociação para romper o contrato e ficar livre no mercado. Um caminho que o atacante Pablo Diogo, ex-Coritiba, também deverá seguir. O jogador comemorou, em 2018, três anos sem fazer um gol.

O volante Ralph, que estava no Criciúma, o atacante Hyuri (Ponte Preta) e o armador Marquinhos Costa (passagem de apenas dois jogos na Chapecoense) são outros ativos sem espaço no Galo. Por outro lado, o atacante Capixaba, após passar sem brilho por América e Chape, se acertou com o Vila Nova-GO.

Otero (Al Wehda), Yago (Al-Qadisiyah) e Clayton (Bahia) seguem com contrato de empréstimo até junho de 2019. Otero será vendido em definitivo. 

Editoria de Arte

Emprestados pelo Atlético

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
https://www.hojeemdia.com.br/esportes/ativos-indefinidos-com-marcos-rocha-e-dod%C3%B4-atl%C3%A9tico-ter%C3%A1-a-volta-de-17-atletas-emprestados-1.681971

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.