domingo, 20 outubro 2019
Início / Conteúdo / Após vandalismo, grupo se une para limpar prédio de ministra Cármem Lúcia

Após vandalismo, grupo se une para limpar prédio de ministra Cármem Lúcia

[ad_1]

Desde o final da tarde desta sexta-feira (6), grupos de pessoas se organizaram para “fazer o movimento contrário”, e limpar o prédio em que a ministra do Supremo Tribunal Federal, Cármem Lúcia, tem um apartamento no bairro Santo Agostinho, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. O local foi alvo de protestos contra a prisão do ex-presidente Lula.

O ato deste sábado (7) vai, além de limpar o local, deixar flores, a partir de 11h. O número de participantes, no entanto, não foi informado. 

Na ocasião, manifestantes jogaram tinta vermelha no edifício e no chão foi pintada a frase “Cármen Lúcia Golpista”. As janelas do edifício também foram quebradas. O prédio do Ministério Público de Minas Gerais, na avenida Álvares Cabral, na mesma região, foi outro alvo dos pichadores, que pintaram a frase “Moro juiz dos ricos”. 

Autoria

No perfil da Frente Brasil Popular, no Facebook, militantes postaram que cerca de 450 manifestantes do MST e do Levante Popular da Juventude atiraram bombas de tintas nos muros e calçadas do prédio.  “Não vamos dar descanso para toda essa corja que deturpa as leis para beneficiar interesses do capital. Assistimos essa semana que o Supremo é tão golpista quanto Temer”, afirmou Miriam Muniz, da direção do MST, no post do Facebook. O texto traz como título a seguinte frase: “Belo Horizonte escracha a casa de Cármem Lúcia”.

 

[ad_2]
Click aqui e acesse o artigo original
http://hojeemdia.com.br/horizontes/ap%C3%B3s-vandalismo-grupo-se-une-para-limpar-pr%C3%A9dio-de-ministra-c%C3%A1rmem-l%C3%BAcia-1.611809

Veja também...

Brasil continuará incomodando países concorrentes no agronegócio, diz ministra – Economia

[ad_1] A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse nesta segunda-feira, 11, em Não-me-Toque (RS), onde …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.