sábado, 19 outubro 2019
Início / Capa / Após atentado, Secretário volta atrás e visitas na Nelson Hungria são liberadas

Após atentado, Secretário volta atrás e visitas na Nelson Hungria são liberadas

Portaria assinada na quarta-feira (1º) revogou a decisão tomada no dia em que dois agentes penitenciários e um adolescente foram baleados próximo à unidade prisional

Menos de um dia após anunciar a suspensão das visitas no Complexo Penitenciário Nelson Hungria, em Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte, o secretário Francisco Kupidlowski, da Secretaria de Estado de Administração Prisional (Seap), voltou atrás e revogou a portaria publicada na última terça-feira (31), quando dois agentes prisionais da unidade foram baleados ao chegar para trabalhar.

Segundo o texto da nova portaria, assinada nesta quarta-feira (1º), para revogar a suspensão das visitas foi considerado “as ponderações formuladas no âmbito do Governo do Estado” sobre a medida que foi adotada como punição após o ataque contra os servidores. Com isso, as visitas acontecerão normalmente na unidade nos próximos sábado (4) e domingo (5). As visitas estavam suspensas até segunda-fera (6).

Na última terça-feira (31) os dois agentes e um adolescente de 13 anos, filho de um ex-agente penitenciário, foram baleados próximo à entrada do presídio, que fica no bairro Nova Contagem. Eles não correm risco de morte. Natan Gomes da Silva, de 41 anos, e Welber Vasconcelos Xavier, de 40, passaram por cirurgia. O adolescente já recebeu alta.

Na edição desta quarta-feira (2) de O TEMPO, o presidente do Sindicato dos Agentes de Segurança Penitenciária (Sindasp), Adeilton Rocha, alertava que a preocupação agora era com a possibilidade de motins. “Há um temor de haver algum problema no fim de semana por causa da suspensão das visitas na Nelson Hungria”, disse.

“Preocupa muito a secretaria essas situações de feriadão. Tem o feriado na quinta, ponto facultativo na sexta, sábado e domingo. Então, são quatro dias. Estamos com todo apoio das instituições de segurança, representadas pela Polícia Militar e pela Polícia Civil”, garantiu o secretário Francisco Kupidlowski, em pronunciamento feito na terça.

Confira a nova portaria na íntegra:

portaria nelson hungria

Com informações do O Tempo.

Veja também...

Ministério Público deflagra operação contra desvio de quase R$ 3 milhões da Câmara Municipal de Sete Lagoas

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) e a Polícia Civil deflagraram, na manhã desta …

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.